CN_BlueJasmine_0

Em muitos momentos do filme fiquei sem ar, solidária com a claustrofobia da personagem. Espantosa representação da Cate Blanchett. 

“É uma performance atenta e vibrante, toda em nuances, que nunca escamoteia o lado desagradável, egoísta, absorvido de Jasmine mas também não evita o seu lado humano, emprestando-lhe uma complexidade que não encontramos nas outras personagens.” Jorge Mourinha, na Revista Ípsilon – Público.

Advertisements