Poderia dizer-se
destas mãos: há flores
que desabrocham
ao contrário
, que mergulham
as suas raízes
no vento. Que têm
a cabeça deitada
no infinito.

Albano Martins

Advertisements