os dias são mais pequenos | os planos maiores | muitas saudades cá dentro | sabe-se um tempo novo | tanta mudança | o alentejo que queremos | a luz é mais fraca e sinto falta do mar | a idade ensina-nos a conjugar (melhor) o verbo proteger (nos) | e a manter constante o conceito de verdade e justiça | gosto cada vez mais da palavra gratidão | e cada vez menos do verbo manipular | um destes dias volto a casa | e abraço muito | já faltou mais | mas ainda não é hoje | hoje conjugo o verbo deixar {a luz entrar}.

Às 9 no meu blog

Advertisements